ADRA presta socorro às vítimas de ciclone tropical que devastou Vanuatu

Arquipélago foi assolado por um dos piores ciclones já registrados no Pacífico Sul. ADRA distribui kits de emergência e treina moradores para evitar surtos de doenças
Foto: Reprodução <em srcset=
Adventist Review” width=”300″ height=”225″ /> Foto: Reprodução Adventist Review
A Agência Adventista de Desenvolvimento e Recursos Assistenciais (ADRA) é uma das entidades que prestam socorro às vítimas do ciclone tropical Pam, que devastou o arquipélago de Vanuatu, no Pacífico Sul, no último sábado, 14 de março. Desde o final de semana, a agência humanitária tem feito um duplo esforço, atendendo a população afetada e tentando restabelecer contato com 10 funcionários da ADRA que estavam nas ilhas de Pentecost e Malakula. A queda de torres de celulares tem dificultado a comunicação.

A extensão dos danos provocados por rajadas de vento de até 320 km/h ainda é desconhecida. Nesta terça-feira, autoridades locais e o Escritório para Coordenação de Assuntos Humanitários das Nações Unidas (OCAH) confirmaram 11 mortes e informaram que o tufão deixou mais de 3 mil desabrigados. Ao longo do dia, aviões franceses e australianos devem sobrevoar a região para identificar as áreas mais afetadas.

Funcionários da ADRA também estão espalhados pela capital, Port Vila, a fim de avaliar as necessidades mais urgentes dos moradores. Kits de emergência contendo sabão e filtros de água começaram a ser distribuídos.

“Garantir água potável e alimentação suficiente, especialmente para mães e bebês, será uma prioridade”, disse Mark le Roux, diretor da ADRA no país, em entrevista ao jornal The New York Times.

ADRA internacional começou a treinar os moradores para prevenir surtos de doenças. Foto: Reprodução Adventist Review
ADRA internacional começou a treinar os moradores para prevenir surtos de doenças. Foto: Reprodução Adventist Review
Ele também informou que os centros que reúnem as famílias desabrigadas na capital estão superlotados. “Temos 20 centros de evacuação com cerca de 2.000 pessoas. Alguns deles têm até 300 pessoas dividindo um banheiro”, informou à BBC.

Saiba mais

Vanuatu tem uma população de aproximadamente 267 mil pessoas, que vivem em 65 ilhas. Port Vila concentra a maior parte dos habitantes (47 mil pessoas). No ano passado, a cidade foi palco de duas grandes séries evangelísticas realizadas pela Igreja Adventista. Como resultado, foram batizadas 2.213 pessoas em setembro e mais 543 no mês de dezembro. Segundo informou a Adventist Review, 4 templos adventistas foram destruídos pelo ciclone. [Equipe RA, da redação / Com informações de Andrew McChesney, editor da Adventist Review, e G1]

VÍDEO MOSTRA ESTRAGOS PROVOCADOS PELO CICLONE:

 

 

Check Also

Sociedade-Bíblica-do-Brasil-submete-versão-da-Nova-Almeida-Atualizada-à-avaliação-das-igrejas-slider

Sociedade Bíblica do Brasil submete versão da Nova Almeida Atualizada à avaliação das igrejas

Representantes de diversas denominações e organizações cristãs receberam exemplares do Novo Testamento, Salmos e Provérbios, primeiro fruto do trabalho que deverá ser concluído em 2018.