Igreja lamenta morte de adventista em massacre nos EUA

A Igreja Adventista do Sétimo Dia na América do Norte expressou simpatia e orou pelos envolvidos no massacre ocorrido no começo do mês no Estado de Oregon. Uma das nove vítimas fatais era adventista. Sarena Moore, de 44 anos, era estudante do terceiro semestre de Negócios e pertencia à Igreja de Grants Prass. Em um de seus últimos posts no Facebook, Sarena teria reafirmado seu desejo de levantar-se por Jesus e pelo cristianismo.

A notícia completa do tiroteio na Umpqua Community College, além de informações sobre o Concílio Outonal, que está sendo realizado na sede da Igreja, em Silver Springs (EUA), e a entrada do presidente mundial da IASD nas redes sociais, você encontra no boletim da ANN desta semana. [Márcio Basso, equipe ANN]

Veja também

Equipando para a missão

Edição regional do GAiN (Global Adventist Internet Network) é realizada pela primeira na Tanzânia.