Novo templo no Iraque

Igreja adventista é construída em Erbil, cidade localizada a aproximadamente 30 km de território ocupado pelo Estado Islâmico
Créditos da imagem: Andrew McChesney
Acompanhado de líderes da igreja no Oriente Médio e Norte da África, pastor Ted Wilson visitou igreja que vem sendo construída em Erbil. Créditos da imagem: Andrew McChesney

Uma nova igreja adventista está sendo construída em Erbil, localizada a apenas 30 km do território controlado pelo Estado Islâmico. O edifício de 400 metros quadrados, que começou a ser erigido em outubro de 2014, terá capacidade para 100 pessoas e vai abrigar uma pequena escola. No último sábado, 6 de fevereiro, o pastor Ted Wilson, presidente mundial da denominação, e sua esposa, Nancy, visitaram o local e oraram pelos adventistas que vivem na cidade, bem como pelo crescimento da igreja na região. Wilson foi o primeiro presidente da Igreja Adventista a visitar o Iraque desde 1990, quando Robert Folkenberg, líder da denominação na época, participou de uma conferência de igrejas cristãs em Bagdá.

Erbil possui cerca de 500 mil habitantes e 25 adventistas. Pela falta de um templo próprio, os membros da igreja se reúnem em um espaço alugado, que tem servido de abrigo para pessoas deslocadas por causa da perseguição em outras regiões do país. Apesar do clima de intolerância religiosa verificado na maior parte do Iraque, os cristãos que vivem na capital do Curdistão iraquiano ainda têm relativa liberdade para praticar sua fé.

Em todo o Iraque, existem aproximadamente 100 adventistas. Segundo George Yousif, líder da igreja no país, por duas vezes o templo da capital foi alvo de homens-bomba. No entanto, em ambos os casos ninguém ficou ferido e os danos materiais foram mínimos. De acordo com ele, em Mossul, maior cidade do Iraque controlada pelo Estado Islâmico, a igreja conta com dois edifícios, mas não se tem notícia sobre a situação atual deles. [Equipe RA, da redação/Com informações de Andrew McChesney, da Adventist Review]

Check Also

A-privatização-da-fé-slider

A privatização da fé

Entenda por que ela foi confinada à vida particular e de que maneira pode voltar a exercer maior relevância na esfera pública.