Novo guia de estudo da Bíblia

Clifford Goldstein, autor da próxima lição da Escola Sabatina, dá um vislumbre do tema que será estudado por adventistas de todo o mundo
Lição-da-ES
Clifford, autor do novo guia de estudo, trabalha há 17 anos como editor das lições da Escola Sabatina nos Estados Unidos. Foto: ANN

Lido diariamente por milhões de adventistas em todo o mundo, o guia de estudo da lição da Escola Sabatina dos últimos três meses ensinou qual é o Papel da Igreja na Comunidade. Os autores May-Ellen e Gaspar Colón apresentaram 13 propostas complementares. Na edição desta semana do boletim da Adventist Internet Network (ANN), Colón, que trabalha no Centro de Missão Global Urbana da sede mundial adventista, destacou que o “importante é perguntar, não tratar de inventar algo que pensamos que eles (a comunidade) vão querer”.

Quem também conversou com a ANN,  foi Clifford Goldstein, autor do novo guia de estudos, intitulado O Livro de Jó. Autor de 21 livros, Goldstein é editor da Lição da Escola Sabatina da Igreja Adventista do Sétimo Dia há 17 anos. Para ele, a próxima lição é feita para aqueles que lutam com algumas questões sobre o mal e levantam questionamentos como: Se Deus nos ama, por que existe o pecado?

Fundada em 1853 por Tiago White, a Escola Sabatina possui cerca de 21 milhões de alunos em 209 países, estudando diária e exatamente o mesmo tema.

O vídeo ainda conta boas novas da Venezuela e da Jamaica. Confira:

Saiba +

A Revista Adventista do mês de outubro trará uma entrevista especial com Clifford Goldstein. O jornalista Márcio Gomes Basso conversou com o escritor cristão sobre a experiência de sua conversão e a respeito da próxima Lição da Escola Sabatina. Ele também explica como um ateu pôde reconhecer a voz de Deus. [Equipe RA, da redação / Com informações de Márcio Basso Gomes, da ANN]

Check Also

Sociedade-Bíblica-do-Brasil-submete-versão-da-Nova-Almeida-Atualizada-à-avaliação-das-igrejas-slider

Sociedade Bíblica do Brasil submete versão da Nova Almeida Atualizada à avaliação das igrejas

Representantes de diversas denominações e organizações cristãs receberam exemplares do Novo Testamento, Salmos e Provérbios, primeiro fruto do trabalho que deverá ser concluído em 2018.

  • krieger

    fico feliz pelo estudo que faremos do livro de Jó e ainda mais saber do autor.

  • Elender Góis Gallas

    Muito bom o autor, mas como ele é judeu gostaria que ele fizesse uma liçao sobre a torá