Novo Comentário Bíblico Internacional

Primeiro volume da série é publicado nos Estados Unidos

Novo-Comentário-Bíblico-Internacional
Obra traz comentários sobre o livro de Gênesis. Créditos da imagem: Márcio Tonetti

O primeiro volume do Comentário Bíblico Internacional Adventista do Sétimo Dia foi lançado oficialmente no dia 9 de outubro nos Estados Unidos. A obra de 544 páginas sobre o livro de Gênesis foi fruto de um trabalho de sete anos, coordenado pelo doutor Jacques Doukhan, professor de Hebraico e Antigo Testamento do Seminário Teológico Adventista da Universidade Andrews (EUA).

O editor geral do novo Comentário Bíblico Internacional apresentou a publicação durante o Concílio Anual. Autor dos livros Secrets of Daniel e Secrets of Revelation, obras conhecidas dentro e fora do círculo adventista, ele considerou que os processos de escrita e edição da nova série exigiram mais dele do que as duas teses doutorais que defendeu.

“Um comentário bíblico oficial da Igreja Adventista não é um livro que você escreve por si mesmo e oferece a uma editora. Há uma responsabilidade no que diz respeito à igreja, de modo que haverá, em seguida, muitos olhares que vão seguir a escrita. O processo é muito exigente. Tive uma dúzia de pessoas fazendo observações desde que o volume sobre Gênesis começou a ser produzido. Todos tinham algo a dizer”, declarou em entrevista à Adventist Review.

O biblista e filantropo Ed Zinke, idealizador do projeto, considera que, embora a edição corrente do Comentário Bíblico Adventista tenha servido muito bem à igreja e deva continuar sendo relevante, novos estudos arqueológicos, linguísticos e literários reforçaram a necessidade de publicação de uma nova série.

Zinke observou que, diante disso, líderes do Instituto de Pesquisa Bíblica e da Universidade Andrews passaram cerca de um ano analisando como viabilizar o projeto. “Um dos nossos principais objetivos era que, além de permitir que a Bíblia falasse por si mesma, em vez de impor sistemas filosóficos sobre as Escrituras, ele fosse legível e acadêmico”, relatou.

Ao apresentar o primeiro resultado do trabalho da equipe, o professor Doukhan afirmou que o livro de Gênesis é o único das Escrituras que é compartilhado pelas três religiões monoteístas: o judaísmo, o cristianismo e o islamismo. “Realmente esse é o livro mais querido da Bíblia por essas três tradições religiosas”, sublinhou.

Créditos da imagem: Adventist Review
Dr. Jacques Doukhan apresenta primeiro volume do Comentário Bíblico Internacional durante Concílio Anual. Créditos da imagem: Adventist Review

No entanto, ele ressaltou que, para os adventistas do sétimo dia, o Gênesis tem um significado especial. “Ele não se limita a explicar e justificar a guarda do sábado por um povo unido em aliança com o Deus de Israel. Também fundamenta a esperança do advento, quando o mundo será restaurado ao seu estado original”, observou.

Doukhan explicou que, em Gênesis, se encontram “quase todas as crenças adventistas do sétimo dia”, incluindo a doutrina do sábado, a antropologia da natureza humana, a imortalidade condicional, a lei de Deus, o Grande Conflito, a salvação, a expiação, o dízimo, o reconhecimento da dieta básica, a distinção entre carnes limpas e imundas, o significado do batismo, o significado cósmico da doutrina do Santuário, a criação, a trindade, a responsabilidade da missão a todas as nações, bem como o dom de profecia.

Próximos volumes

De acordo com o editor do novo Comentário Bíblico Internacional, outros volumes da série estão sendo preparados. O objetivo é que a obra completa seja concluída até a próxima Assembleia mundial, que será em 2020, na cidade de Indianapolis (EUA). A produção do material envolve estudiosos sul-americanos, europeus, africanos e asiáticos.

No dia 9 de outubro, durante a apresentação do primeiro volume para os participantes do Concílio Anual, o pastor Ted Wilson, presidente mundial da igreja, proferiu uma oração especial, dedicando o material a Deus.

A versão em inglês do comentário sobre o livro do Gênesis está disponível no site Adventist Book Center. [Equipe RA, da redação / Com informações de Mark A. Kellner, da Adventist Review]

Check Also

Sociedade-Bíblica-do-Brasil-submete-versão-da-Nova-Almeida-Atualizada-à-avaliação-das-igrejas-slider

Sociedade Bíblica do Brasil submete versão da Nova Almeida Atualizada à avaliação das igrejas

Representantes de diversas denominações e organizações cristãs receberam exemplares do Novo Testamento, Salmos e Provérbios, primeiro fruto do trabalho que deverá ser concluído em 2018.

  • Elender Góis Gallas

    Será que o Internacional corresponde a série Logos do Brasil?

    • Olá, Elender. Tudo bem? A série Logos corresponde ao Seventh-day Adventist Bible Commentary. O Comentário Bíblico Internacional é um material novo, que só conta com esse primeiro volume. Fraterno abraço!

  • Edvan Motta da Silva

    Já se encontra para comprar nos SELS? Moro em Vitória e gostaria de saber.

    • Ainda não há versão em português, Edvan.

      • Edvan Motta da Silva

        ok Thanks so much.

  • daniel da silva firino

    a casa publicadora tem previsão para a tradução desse novo comentário bíblico?

    • Prezado Daniel, ainda não há uma data, mas a obra deve passar pela comissão editorial em breve. Abraço!

  • Prezado Tiago, a primeira versão do Comentário Bíblico (Série Logos) foi publicada originalmente em inglês na década de 1950 e passou por uma revisão 20 anos depois. Evidentemente, nesses últimos 60 anos muitas outras pesquisas foram realizadas dentro e fora do meio adventista. Portanto, o novo Comentário Bíblico Internacional agregará ao anterior. Mas, por ser um clássico, a primeira versão continua sendo extremamente relevante para teólogos, pesquisadores e a igreja em geral. Fraterno abraço!

  • Paulo Sérgio

    Espero que a publicação em português não demore anos, como aconteceu com o Comentário Bíblico Adventista e o livro Questões sobre Doutrina.