Novo departamento

Igreja na América do Sul oficializa setor de arquivos, estatísticas e pesquisas
Pastor Edward Heidinger (esq.), secretário-executivo da igreja na América do Sul, apresenta o sociólogo Thadeu Silva Filho, que coordenará o Departamento de Arquivo, Estatística e Pesquisa. Foto: Gustavo Leighton

Criado em 1904, o Departamento de Arquivo, Estatística e Pesquisa da sede mundial adventista tem ajudado a igreja a lidar de maneira estratégica com os números. Além de permitir um diagnóstico mais preciso da realidade da denominação, as estatísticas tem sido fundamentais para identificar necessidades, ajustar o foco do trabalho e definir a aplicação de recursos humanos e financeiros.

Agora, a igreja na América do Sul também terá um setor responsável pela gestão dessas informações. A oficialização do departamento sul-americano de Arquivo, Estatística e Pesquisa aconteceu nesta terça-feira (9). Thadeu Silva Filho, doutor em Sociologia pela Universidade de Brasília (UnB), foi nomeado para coordenar a pasta.

Além de classificar e arquivar documentos, bem como gerenciar as diversas informações geradas por meio dos sistemas de que a igreja já dispõe, o novo departamento pretende explorar dados relacionados à paisagem religiosa sul-americana em geral. “Esses estudos serão fundamentais para compreendermos o contexto no qual a igreja está inserida”, ressalta o antropólogo e sociólogo que há mais de 20 anos realiza pesquisas e análises em várias áreas.

Segundo ele, o novo departamento também irá cooperar com estudos realizados pelo departamento estatístico da sede mundial.

Na entrevista abaixo o responsável por esse ministério fala sobre o funcionamento do setor e suas contribuições à igreja na América do Sul.

[Márcio Tonetti, equipe RA / Com informações de Felipe Lemos, da ASN]

Veja também

Sou ministro da música. E agora?

Entenda por que esse trabalho precisa ser encarado como um ministério.