Para entender Ellen G. White

Com mais de 1.500 páginas e 1.300 verbetes, versão em português de enciclopédia sobre a pioneira é o maior volume já publicado pela CPB
Da Redação 
Além do lançamento da Enciclopédia Ellen G. White, editora adventista lançou a Série Conflito completa na linguagem de hoje. Foto: Daniel de Oliveira

Publicada originalmente em inglês, a The Ellen G. White Encyclopedia é, sem dúvida, a maior obra de referência sobre a pioneira do adventismo. A ideia de produzir um material abrangente, com informações específicas, partiu do teólogo e escritor George Knight, no fim da década de 1990. Depois de ter contato com a The C. S. Lewis Encyclopedia, ele decidiu preparar uma obra semelhante acerca de Ellen G. White, uma das 100 personalidades americanas mais influentes de todos os tempos.

Com 1.568 páginas e mais de 1,3 mil verbetes, a obra acaba de ganhar uma versão em português. Lançada oficialmente na última terça-feira (29) pela Casa Publicadora Brasileira, a Enciclopédia Ellen G. White é o maior volume já publicado pela editora adventista desde a sua fundação, em 1900 (Para ler a resenha, clique aqui).

Organizada e editada originalmente por Denis Fortin e Jerry Moon, com colaboração de 180 especialistas, entre eles o Dr. Alberto Timm, a versão em português foi preparada por uma equipe de 15 pessoas, entre tradutores, editores, revisores e designers.

Como expressa o prefácio à edição em língua portuguesa, trata-se de “um recurso indispensável para quem deseja obter novas perspectivas sobre os fatos, ideias, conexões pessoais e escritos e uma mulher chamada a exercer um ministério cuja influência desconhece fronteiras”.

A obra é dividida em quatro seções. A primeira inclui artigos introdutórios sobre a profetisa, que exploram sua história de vida e teologia, os principais temas de seus escritos, princípios de interpretação, recursos para pesquisa e uma bibliografia de fontes secundárias.

Já a segunda seção é biográfica. Trata de pessoas com quem Ellen G. White interagiu, se correspondeu ou sobre as quais escreveu. Por sua vez, a seção Temática, a mais extensa, contém 802 verbetes que abordam temas e doutrinas relacionados à Ellen White, livros que ela escreveu, eventos e lugares históricos e instituições com a quais estabeleceu algum tipo de ligação.

Por fim, nos Apêndices da Enciclopédia o leitor encontra gráficos genealógicos, sobre os ancestrais de Ellen White e relacionados às relações entre os primeiros livros, além de duas listas com os arquivos de todas as cartas e manuscritos da escritora americana.

Os recursos da Enciclopédia também incluem uma série de fotografias raras, mapas com as localidades mencionadas em seus livros e uma cronologia listando os eventos ocorridos ao longo da vida de Ellen White.

Como explica o pastor Diogo Cavalcanti, coordenador da editoria de livros denominacionais na CPB, a versão em português traz uma série de atualizações em relação à versão original, tanto no aspecto gráfico quanto no conteúdo, com correções de erros e a inclusão de 30 verbetes inéditos sobre obras em português. Entre elas, verbetes sobre os livros missionários.

“Além disso, a Enciclopédia tem uma linguagem amigável ao leitor, com a tradução de uma infinidade de termos e títulos, para facilitar a compreensão”, sublinha.

Na linguagem de hoje

Na mesma ocasião, a editora adventista também lançou a coleção completa dos cinco volumes de Ellen White que foram adaptados para a linguagem de hoje. A ideia de tornar a Série Conflito mais atrativa e acessível às novas gerações foi concebida originalmente pelo White Estate, órgão responsável pela conservação e divulgação do legado da pioneira, e surgiu primeiramente para dar suporte ao estudo da Lição da Escola Sabatina dos Adolescentes.

A adaptação dos clássicos para o português começou a ser feita em 2014 (para saber mais, clique aqui). O primeiro volume foi lançado no ano seguinte, com o título Os Escolhidos, versão atualizada do Patriarcas e Profetas. Posteriormente, foram publicados os seguintes títulos: Os Ungidos (Profetas e Reis), O Libertador (O Desejado de Todas as Nações), Os Embaixadores (Atos dos Apóstolos) e Os Resgatados (O Grande Conflito). Depois de publicar o último volume da série neste ano, o box da coleção está disponível no site da editora.

Os cinco volumes apresentam com detalhes o plano da salvação do ser humano e mostram quem, de fato, está no controle da história. “Essa apreciada série, que tem resistido ao tempo e conquistado gerações, ganhou uma linguagem nova, moderna e acessível, tornando sua leitura muito mais agradável aos leitores do século 21”, ressaltou a editora Neila Oliveira durante o programa de lançamento e dedicação dos livros. [Equipe RA, da Redação]

VEJA MAIS IMAGENS

Veja também

Médicos missionários

Profissionais da saúde de todo o Brasil se reúnem para compartilhar e discutir novas formas de engajamento na missão.