Medicina de ponta

Centro Médico da Universidade de Loma Linda é referência em várias especialidades, aponta novo ranking divulgado nos Estados Unidos

O Centro Médico da Universidade de Loma Linda (LLUMC, na sigla em inglês), na Califórnia (EUA), foi eleito pela revista US News & World Report o melhor hospital norte-americano da região de Riverside e San Bernardino, além de ser considerado referência nacional em várias especialidades.

As áreas nas quais a instituição recebeu maior destaque foram ginecologia, gastroenterologia e cirurgia gastrointestinal, neurologia e neurocirurgia, ortopedia e urologia. Além disso, procedimentos como reparo do aneurisma da aorta abdominal, intervenções no caso de insuficiência cardíaca congestiva e cirurgia de câncer de cólon também receberam pontuação alta.

Para a classificação de 2018-2019, foram avaliados 4,5 mil centros médicos em todo o país em 25 especialidades, procedimentos e tratamentos. No total, 158 hospitais foram classificados em pelo menos uma especialidade. Nos rankings por estado e regiões metropolitanas, o levantamento reconheceu os hospitais americanos de alto desempenho em várias áreas de atendimento.

A lista, que serve de referência para médicos e pacientes, é feita por uma prestigiada empresa de pesquisa no país com base em medidas objetivas como taxas de sobrevivência e readmissão ajustadas ao risco, experiência e segurança do paciente, qualidade da equipe de enfermagem, entre outros indicadores relacionados ao cuidado.

“O reconhecimento é um testemunho de toda a equipe, que todos os dias cumpre a missão de ampliar o ministério de ensino e cura de Jesus Cristo, oferecendo cuidados da mais alta qualidade aos pacientes”, disse Kerry Heinrich, CEO do Centro Médico da Universidade de Loma Linda.

Novo robô oferece feedback tátil e permite que os médicos controlem o dispositivo com os olhos. Foto: Florida Hospital News

Recentemente, outro hospital adventista norte-americano se destacou ao se tornar a primeira instituição de saúde do país a usar um novo tipo de sistema cirúrgico robótico. O robô do Hospital da Flórida oferece feedback tátil e permite que os médicos controlem o dispositivo com os olhos. Conhecida como TransEnterix Senhance, a tecnologia também entrou para a história da medicina como o primeiro sistema cirúrgico robótico a receber a aprovação da Food and Drug Administration (FDA) desde 2000 (para ler mais, clique aqui). [Com informações de Sheann Brandon, da Universidade de Loma Linda, e do Florida Hospital News]

Veja também

Teste para a unidade

A igreja é uma família com espaço para diferenças de cultura e opinião, desde que não comprometam  a teologia, o estilo de vida e a missão.