Transmissão da memória adventista

Em sua tese doutoral, apresentada no Programa de Pós-graduação em Ciências da Religião da Universidade Metodista de São Paulo, Rodrigo Follis discutiu a transmissão da memória religiosa do adventismo brasileiro e os desafios para a igreja manter sua identidade num mundo cada vez mais veloz e midiatizado. Na entrevista a seguir, o professor do Unasp, campus Engenheiro Coelho (SP), fala sobre as principais conclusões e implicações do estudo.

Veja também

No berço histórico da igreja

Líderes de todo o mundo visitam lugares que marcaram o início do movimento adventista.