Apelo do presidente

Em meio à crise do coronavírus, líder mundial adventista pede oração, serviço e confiança em Deus  
microbiologist with a tube of blood contaminated by Coronavirus and a sample of it analyzed under a microscope / doctor in the laboratory with a blood tube for analysis and sampling of Coronavirus under the microscope

Batizado de COVID-19 pela Organização Mundial da Saúde, o novo coronavírus continua fazendo vítimas a cada dia. Entre elas, um adventista na China. Foi o primeiro caso de que se tem notícia entre membros da denominação presente em 215 países.

Até o fechamento desta notícia, havia pouca informação sobre a vítima adventista. Em e-mail enviado ao redator da Adventist Mission, Andrew McChesney, o presidente dos adventistas na China, pastor Robert Folkenberg Jr., disse saber apenas que, além de um morto, pelo menos outros cinco adventistas estavam sendo submetidos a tratamento por causa da infecção. Folkenberg destacou: “Nossos irmãos e irmãs na China estão apoiando-se diariamente na força do Senhor” e “estão fazendo todo o possível para apoiar hospitais e profissionais de saúde neste momento difícil”.

Para o líder dos adventistas na nação mais populosa do mundo, “as orações de apoio significam muito” para os chineses.

À Adventist News Network (ANN), Folkenberg escreveu que instituições como “a ADRA, a Loma Linda Health, a AdventHealth, a União Japonesa e a Divisão Sul-Americana tem contribuído muito com materiais necessários para combater o vírus”. Folkenberg espera brevemente mostrar o que as ajudas da Igreja Adventista do Sétimo Dia e suas instituições estão fazendo pelo povo chinês.

Na China, a filial da Agência Adventista de Desenvolvimento e Recursos Assistenciais (ADRA) está enviando equipamentos de proteção para ajudar as autoridades sanitárias a lidar com o surto viral que matou mais de mil pessoas só no país asiático, e que já infectou mais de 43 mil em todo o planeta.

Nesta quinta-feira (12), em visita oficial a Luanda, capital angolana, o presidente mundial da Igreja Adventista do Sétimo Dia, pastor Ted Wilson, gravou um vídeo no qual incentivou os membros da denominação a orar. “Ore sinceramente para que Deus contenha esse vírus”, o pastor Wilson pediu. Em seu apelo, ele também mencionou a importância do serviço, “no espírito e no poder de Jesus”, em momentos como este. Ele ainda lembrou “que grandes desafios estão por vir nos dias finais da nossa história”, mas “que o poder de Deus é suficiente para todas as coisas que enfrentamos”. [Márcio Basso Gomes, da equipe da ANN / Com informações de Andrew McChesney]

Veja também

Tempo de oportunidades

As mudanças provocadas e aceleradas pela pandemia abrem caminhos para a missão adventista.