Atualização dos escritos de Ellen White

Como clássicos do século 19 têm sido adaptados para o leitor do século 21

Márcio Tonetti e Wendel Lima

Já no século 19, os adventistas viram a necessidade de adaptar os escritos de Ellen White para que eles se tornassem acessíveis a diferentes públicos, inclusive aos ex-escravos que não tinham acesso à educação. Esse trabalho continua sendo feito, tendo em vista especialmente o desafio de atualizar os clássicos da pioneira para as novas gerações. Mas como será que isso acontece e quais critérios têm permitido simplificar a linguagem sem alterar a mensagem? É o que explica o primeiro dos quatro episódios de uma série de podcasts sobre a biografia e o mundo no qual viveu Ellen White, e a forma como seus escritos têm sido interpretados hoje.

Assine o podcast: Anchor | Spotify | Breaker | Google Podcasts | Pocket Casts 

DESCRIÇÃO

  • Entrevista com a editora Neila Oliveira para a TV RA, em 23 de novembro de 2015: https://bit.ly/3er0s6i
  • Entrevista do Sheik Jihad Hammadeh para o filósofo Luís Felipe Pondé, em 9 de fevereiro de 2020: https://bit.ly/3n3C65R
  • Matéria do Portal Adventista sobre a terceira temporada da websérie O Presente de Nick: https://bit.ly/3895qDt
  • Resenha da Série Conflito na linguagem de hoje: https://bit.ly/38ag3WP

Trilhas utilizadas (YouTube Audio Library)

“Bug Catching” – Emily A. Sprague

“Arabian Nightfall” – Dough Maxwell / Media Right Productions

“Lonely Troutman” – William Rosati

OUÇA TAMBÉM

176 anos depois

Veja também

Como interpretar Ellen White

Conheça algumas ferramentas que podem ajudá-lo a compreender os escritos da pioneira no devido contexto.

  • Lavínia Moura

    Acho muito boa a ideia de uma nova adaptação dessas escritas, que nos ajudam e nos levam mais perto de Deus. Assim podemos compreender melhor e com mais clareza a cada detalhe. Que Deus possa estar sempre a frente nos guiando em tudo