Atenção

Recorde mundial

1 minuto de leitura
Indústria adventista de alimentos saudáveis bate recorde mundial organizando triatlo que reuniu 40.500 crianças e adolescentes na Austrália e Nova Zelândia

triatlo-promovido-por-instituicao-adventista-na-australia-e-nova-zelandia-1A maior indústria de alimentos saudáveis da Austrália, a Sanitarium Health & Wellbeing Company, administrada pela Igreja Adventista do Sétimo Dia, se tornou recordista mundial na organização de provas de triatlo para menores de 16 anos. A instituição realiza o evento pelo 17º ano com o objetivo de incentivar crianças e adolescentes a se manter ativos na natação, ciclismo e corrida. A última edição, que começou em dezembro de 2014 em Manakau, na Nova Zelândia, e terminou em maio deste ano na Sunshine Coast, Queensland, na Austrália, reuniu 40.500 participantes. Em 2013, a Sanitarium já havia batido o recorde mundial nessa modalidade atraindo 36.500 juvenis.

Conforme explica David Martin, que é o responsável na empresa por promover ações que envolvam a comunidade, o objetivo do projeto é possibilitar que o público infanto-juvenil pratique atividade física em um ambiente divertido. De acordo com ele, a percepção dos pais é a de que a iniciativa acaba melhorando até mesmo a autoestima das crianças.

“Os pais nos contam que seus filhos recebem um grande impulso para a sua autoestima e se sentem mais confiantes após concluir o curso”, comenta.

O programa Weet-Bix Kids TRYathlon é projetado para o público com idade entre 7 e 15 anos e tem atraído principalmente não adventistas. Segundo os organizadores do evento, entre os milhares de inscritos na última edição apenas 236 eram membros da igreja.

triatlo-promovido-por-instituicao-adventista-na-australia-e-nova-zelandia-2

Além de incentivar a prática de exercícios físico, a Sanitarium Health & Wellbeing Company exerceu um importante papel na mudança de hábitos alimentares dos australianos ao popularizar o consumo de cereais matinais e outros produtos saudáveis. A instituição adventista foi a primeira a introduzir alimentos à base de soja no contexto australiano, promovendo uma dieta vegetariana antes que isso se tornasse moda ao redor do mundo. [Com informações e fotos de Sharyn Brady, da South Pacific Adventist Record e da Adventist Review]

Última atualização em 16 de outubro de 2017 por Márcio Tonetti.

Sobre Da redação

Da redação
Equipe RA

Veja Também

Nem só de pão

Os benefícios do jejum, que vão além dos aspectos espirituais e físicos, precisam ser redescobertos e reivindicados pelos cristãos.