Repovoar o Céu

3 minutos de leitura

A Educação Adventista, que completou 125 anos no Brasil em 2021, tem uma missão sublime

Stanley Arco

Crédito da Imagem: William de Moraes / Adobe Stock

Deus criou o homem para Sua própria glória, para que, depois de testada e provada, a família humana pudesse tornar-se uma com a família celestial. Era o propósito de Deus repovoar o Céu com a família humana”, escreveu Ellen White (Carta 91, 1900).

Gênesis 1:27 relata que “Deus criou o ser humano à Sua imagem”. Porém, o pecado quase apagou essa imagem. Restaurá-la é o grande objetivo da obra da educação e da redenção, que são uma (Ellen White, Educação, p. 15, 16, 30).

Deus tem um plano sublime para nós. “O Céu triunfará, pois as vagas deixadas pelos anjos caídos de Satanás e seu exército serão preenchidas pelos redimidos do Senhor”, ela explica (Olhando Para o Alto, p. 56).

A mensageira do Senhor aborda quatro aspectos essenciais da educação: (1) natureza, que nos ensina sobre Deus; (2) Bíblia, um tesouro de recursos infinitos; (3) cultura física, proporcionando um estilo de vida equilibrado; e (4) edificação do caráter, que está acima do aspecto intelectual. “Esses princípios da educação são conceitos cruciais” (Enciclopédia Ellen G. White [CPB, 2018], p. 854).

A educação adventista foi e tem sido fundamental desde sua origem no crescimento e na consolidação do adventismo em todos os oito países da nossa Divisão. Neste ano celebramos 100 anos da Educação Adventista na Bolívia e 125 anos da Educação Adventista no Brasil.

Na Bolívia, a primeira escola adventista foi criada por Reid S. Shepard e sua esposa, Ethel Cooper, em 1921, na estação missionária de Rosario, no Altiplano Boliviano. Essa foi a maneira de evangelizar. Através da educação, eles ensinaram a ler e escrever, pregaram o evangelho e mostraram um estilo de vida mais saudável.

Em 1896 começou a funcionar o Colégio Internacional de Curitiba, a primeira escola adventista no Brasil. Foi iniciativa do pastor H. F. Graf. Ali era ensinado o alemão, além do português. Foi pela visão, dedicação e sacrifício dos pioneiros e dos que os sucederam que milhares de vidas foram educadas e redimidas.

O sistema educacional adventista está cumprindo o propósito divino ao dar a oportunidade a 323.417 estudantes no território sul-americano a se prepararem para repovoar o Céu

Representando tantas vidas transformadas, apresento Yago, de 17 anos, formando na Educação Adventista em Curitiba. Seu testemunho emociona: “Meus pais decidiram matricular meu irmão e eu no colégio adventista. O pastor do meu colégio iniciou o projeto ‘Minha Escola, Minha Igreja’, em que nos reuníamos em ações de solidariedade e para atividades espirituais. Eu já tinha marcado meu batismo numa igreja evangélica quando fui para a Missão Calebe no Paraguai, em janeiro de 2020. Foi um projeto de cinco colégios adventistas. Lá realizamos ações solidárias, Escola Cristã de Férias, estudos bíblicos e evangelismo. Foi quando decidi ser adventista. Eu e mais sete pessoas. Fui batizado na comunidade do Colégio Adventista de São José dos Pinhais. Continuo ativo e ajudo na classe bíblica. Vários adolescentes decidiram estudar na escola adventista e ser batizados em nossa igreja. Meu sonho é ir para o IAP estudar Teologia. Se não fosse a Educação Adventista, nada disso teria acontecido. Quero ser uma bênção pra muita gente!”

Meu reconhecimento e gratidão à Educação Adventista por estar cumprindo o propósito divino ao dar a oportunidade a 323.417 estudantes nos 836 centros educativos em nosso território sul-americano de se prepararem para repovoar o Céu.

A educação na Terra não está concluída. Por isso, eu o convido a se apropriar das bênçãos dela, orando, apoiando e cumprindo o mandado: “Todos os seus filhos serão ensinados pelo Senhor” (Is 54:13). O Céu aguarda para ser repovoado. Lá, nas mãos do grande Mestre, será concluída a redenção. Eu vou! Vamos?

STANLEY ARCO é presidente da Igreja Adventista para a América do Sul

(Artigo publicado na seção Bússola da edição de outubro de 2021 da Revista Adventista)

Última atualização em 11 de outubro de 2021 por Márcio Tonetti.

Sobre stanleyarco

stanleyarco
Presidente da Igreja Adventista para a América do Sul

Veja Também

O ancião que marcou minha vida

Em gratidão aos que marcaram sua vida, marque outras vidas para a salvação e a eternidade.