Estudo aprofundado

4 minutos de leitura

Simpósio Bíblico-Teológico Sul-Americano aborda o livro de Daniel e sua relevância para o tempo do fim

Eduardo Teixeira

Grupo de participantes do 14° Simpósio Bíblico-Teológico Sul-Americano. Foto: SALT / FAP

Realizado nos dias 28 a 30 de abril na Faculdade Adventista do Paraná (FAP), o 14° Simpósio Bíblico-Teológico Sul-Americano se concentrou em Daniel, livro do Antigo Testamento que teve um papel fundamental na formação da identidade e na compreensão escatológica adventista.

Cerca de 400 professores dos seminários espalhados pelo continente, pastores, administradores e outros interessados em se aprofundar no tema participaram do encontro. Além das plenárias, foram realizadas dezenas de apresentações em salas temáticas. Esse espaço consiste hoje numa das principais vitrines para os estudos teológicos desenvolvidos no meio adventista sul-americano.

A cada dois anos, o simpósio também possibilita o contato com a produção acadêmica dos principais teólogos da igreja, ao mesmo tempo que torna conhecida a produção teológica sul-americana. Para o pastor Adolfo Suárez, reitor do Seminário Adventista Latino-Americano de Teologia (SALT), esse é momento importante para o diálogo, planejamento e ações conjuntas. Sem contar as possibilidades que se abrem para o fortalecimento da nossa teologia e a reflexão sobre questões que desafiam a igreja na atualidade. “As apresentações desencadeiam vários insights nas pessoas, abrem novos caminhos para pesquisas que irão abençoar as igrejas, expõem respostas sólidas a temas que incomodam e oferecem fundamentos bibliográficos para muitas questões”, ele ressalta.

O pastor Elias Brasil, diretor do Instituto de Pesquisa Bíblica (BRI) na sede mundial adventista, também sublinha que os simpósios estimulam a unidade da missão da igreja e o aprofundamento no estudo da Bíblia. Para ele “o grande destaque desta edição foi a escolha do livro de Daniel, que é uma literatura crucial para a igreja, juntamente com Apocalipse, para o tempo em que vivemos”.

O pastor Alberto Timm, diretor associado do Ellen G. White Estate, explica que o livro de Daniel, com seus longos períodos proféticos, cobre a história humana até o tempo do fim, culminando com o estabelecimento do reino de Deus. “Ele forma o alicerce da teologia adventista, sem o qual o adventismo perderia a sua identidade profética e a sua própria razão de existir. Sem dúvida, os organizadores do 14º Simpósio não poderiam ter escolhido um tema mais apropriado para o tempo em que estamos vivendo”, complementa.

Ao todo, aconteceram nove plenárias e cerca de setenta apresentações temáticas na 14ª edição do simpósio. E, como ocorre a cada, ao fim da programação, foi votada uma Declaração de Consenso, reafirmando a interpretação da igreja em relação ao livro de Daniel.

O diretor da sede regional do SALT na Faculdade Adventista do Paraná (FAP), pastor João Luiz Marcon, analisa que essa movimentação causa um grande impacto nos professores que, além de organizar o encontro, se envolvem na apresentação de trabalhos. Os alunos também são beneficiados. “Esses eventos auxiliam na formação e na prática pastoral com efeitos na vida pessoal e no exercício de suas funções nas congregações. Temos visto um amadurecimento na teologia adventista que ampliou a contribuição dos teólogos sul-americanos para a igreja mundial”, complementa Marcon.

De acordo com o pastor Elmer Guzman, professor do curso de Teologia da FAP que coordenou a 14ª edição do evento, além da organização de um livro com base nas apresentações do simpósio, a ideia é disponibilizar em uma videoteca on-line a gravação das principais apresentações. “Queremos, assim, ampliar a influência do simpósio e facilitar o acesso da igreja ao conteúdo que foi produzido”, informa. Ele também destaca a importância de uma participação cada vez maior das editoras adventistas no evento, tanto na divulgação de novas publicações quanto na apresentação de trabalhos e na mediação das salas temáticas.

A próxima edição do Simpósio Bíblico-Teológico Sul-Americano está prevista para ocorrer na Faculdade Adventista da Amazônia (FAAMA) em 2024.

EDUARDO TEIXEIRA, pastor e jornalista, é editor associado na Casa Publicadora Brasileira

Última atualização em 4 de maio de 2022 por Márcio Tonetti.

Sobre Da redação

Da redação
Equipe RA

Veja Também

Perfil pastoral

Pesquisa mostra quem são os pastores que lideram as congregações adventistas na América do Sul.