Do outro lado do Atlântico

1 minuto de leitura

Batismo 1Nove missionários voluntários viajaram 20 horas de avião e por estradas de chão para chegar às cidades de Kuito e Andulo, em Angola, na África. Nos dois municípios que ainda sentem os efeitos da guerra civil que assolou o país em décadas recentes, os professores e alunos da Faculdade Adventista da Bahia se dedicaram a apresentar Jesus como a resposta para os dramas humanos, coordenando ações sociais e liderando séries de pregações para uma audiência diária de 550 pessoas. Durante os 18 dias de projeto em dezembro, mais de 400 pessoas foram batizadas e cerca de 300 tomaram a decisão de estudar a Bíblia. Em parceria com as igrejas locais, os missionários brasileiros conduziram palestras sobre saúde e de combate aos vícios, estudos bíblicos, visitas nos hospitais, distribuição de alimentos e brinquedos e participação no programa da rádio nacional de Angola. Esta foi a sexta edição do projeto SalvÁfrica, iniciativa liderada pelo seminário de Teologia e o instituto de missões do campus baiano (Equipe RA, da redação / Com informações de Wiliane Passos).

Última atualização em 16 de outubro de 2017 por Márcio Tonetti.

Sobre Márcio Tonetti

Avatar
Editor associado da Revista Adventista

Veja Também

Batismo em massa no arquipélago

Série de pregações on-line resultou em milhares de decisões nas ilhas caribenhas.